Fortaleza -

PASTOR, QUERO SABER SUA OPINIÃO SOBRE O IMPEACHMENT DA PRESIDENTE DILMA

PASTOR, QUERO SABER SUA OPINIÃO SOBRE O IMPEACHMENT DA PRESIDENTE DILMA

Date: Mon, 9 Mar 2015 11:34:10 -0300
Subject: Sobre o IMPEACHMENT da presidente Dilma
To: adcaminho@hotmail.com

 

Carta:

Bom dia Pastor, vi no site Adcaminho, uma nota sobre o IMPEACHMENT da presidente Dilma, que está sendo previsto para próxima semana. No entanto observei também que não há um posicionamento da igreja quanto a este movimento.
Na verdade, meu questionamento é:
1. Como o cristão deve se posicionar frente aos problemas políticos da nossa sociedade?

Particularmente,  eu acho que devemos nos unir e ir às ruas também,  lutar pelo que acreditamos , ainda mais quando vemos todos os dias que os direitos do cidadão estão sendo feridos e que muitos sofrem pela falta de compromisso dos nossos representantes, mais ainda com a sua desonestidade.

Lamento muito em saber que um país cheio de leis e regras, também é um país que mais as descumpri.
Sei que está escrito na Bíblia que no fim dos tempos muitas desgraças acontecerão. Com base nesse crê, devemos ficar esperando as coisas ficarem cada dia pior?

As vezes, fico pensando, se o Espírito de Deus é um Espírito de paz, seria então pecado lutar por uma sociedade mais justa?
Ir às ruas clamar por um país melhor seria uma atitude de rebeldia?
Na minha opinião,  seria uma atitude de esperança,  de afirmar que nao estamos satisfeito com a conduta dos nossos políticos, de acreditar que as coisas podem melhorar, que direitos podem ser resgatados, que determinadas atitudes podem ser freadas.

Mas também creio que o salvador da pátria não há outro senão senão o nosso Senhor. Que qualquer outro político que vier assumir não fará milagres em seu governo, uma vez que não há como agradar a todos, e mesmo que esse venha, desse governo eu teria medo, medo dele ser o próprio anticristo, mas acho que daqui do Brasil ele não surgirá.
Mas, tirando  o fato de não surgir o salvador da pátria,  vejo que muito e muito outros políticos eleitos pelo povo também não são pessoas íntegras,  assim como também não temos uma sociedade livres de atitudes suspeitas, ou livre de pecados, então, pensando assim, jamais teremos bons políticos,  pois estes são nosso espelho.

Poderia ficar aqui tentando justificar de várias formar a minha opinião a respeito de irmos buscar IMPEACHMENT, na verdade seria a atitude das pessoas de sair de sua zona de conforto e declarar sua insatisfação com tudo o que vem acontecendo em nosso país, principalmente pela falta da vontade política.
Diante de tantos questionamentos,  desejo ouvir sua opinião a respeito.
Paz e Graça.

__________________

Resposta:

Em primeiro lugar, acho que todos nós como igreja devemos nos posicionar mesmo, e de certa forma, irmos em busca dos nossos direitos através dos nossos deveres, mesmo que isso venha nos custar o tempo e sacrifício de termos que ir às ruas.

Não podemos aceitar calados essa ditadura com cara de democracia.

É inadmissível termos que comprar um combustível tão caro em um país produtor e auto suficiente de petróleo e cana de açúcar.

Como engolir também esse mundo infindável de impostos que temos aqui em nosso país? Uma energia que mais uma vez vai aumentar seu preço significativamente; Nossa educação pública é um caos; a saúde, pior, basta ir em qualquer hospital e vê-los como estão; nossas estradas não prestam; saneamento básico não existe; o transporte público é uma vergonha; a insegurança paira as nossas portas… Enfim, é muita coisa, passaria o dia todo aqui escrevendo.

Acho que IMPEACHMENT é pouco. Penso que uma reforma política é o mínimo. A meu ver o PT e demais partidos devem ser investigados a fundo e, se envolvidos em corrupção, deveriam ser banidos e excluídos.

Se isso acontecesse, confesso que no mínimo deveria haver uma intervenção do exército para tentar colocar esse país no prumo novamente.

Veja quantos homicídios acontece diariamente nos estados brasileiros! É numero de guerra, e ninguém faz nada, enquanto isso, centenas de jovens e adolescentes estão perdendo suas vidas.

Sinceramente acho que há muita coisa para ser mudada e o fato é que não dar mais para aceitar as coisas como estão!

Hoje, pra mim, tinha que haver uma intervenção urgente nesse tipo de política e democracia que estamos vivendo antes que tudo se acabe.

E nós como igreja?

Penso que como igreja, uma parte deveria ir às ruas sim, enquanto outra parte deve ficar orando por aqueles que foram, em virtude das represálias do poder.

Para se aprofundar um pouco mais no assunto e nos nossos deveres, acho que todo cristão deveria ler o livro: “O cristão em uma sociedade não cristã”, de John Stott. Nesse livro, o caro escritor (in memoriam) disserta de forma brilhante qual deve ser nosso papel e comportamento como cristão-seres-sociais ante os desafios sociais.

Para não me alongar e tornar-me cansativo, é isso.

Espero ter sido claro

Que Deus te abençoe.

Em Cristo,

Mário

 

Fortaleza, 09 de março de 2015

 

 

Print Friendly
Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Busca na Bíblia
Patrocinadores

Voltar ao Topo