Fortaleza -

TEMAS DAS CÉLULAS – MÊS DE AGOSTO 2019

 

 

 

 “Ser cristão é uma afirmação do que Cristo fez por mim;

 

ser discípulo é uma afirmação do que estou fazendo por Ele.”

 

Greg Ogden

 

 

 

 

 

 

 

TEMA: O QUE DEUS ESPERA DE MIM?

TEXTO: Miqueias 6:6-8

INTRODUÇÃO: Muitas pessoas pensam que apenas com religiosidade conseguem agradar a Deus e atrair sua benção. Acham que participar de cultos é o suficiente. Entretanto, o Senhor tem expectativas mais elevadas a nosso respeito. Nesse texto, Ele instrui o seu povo através do profeta Miqueias, especialmente no versículo 8.

 

 

“QUE PRATIQUES A JUSTIÇA… “

Isto nos fala de SANTIDADE: Normalmente a palavra justiça na Bíblia tem o sentido de santidade, ou seja, de nossa adequação aos padrões de Deus. Esta é a primeira coisa que Ele exige de nós, que não sejamos apenas religiosos, sem testemunho (como eram os fariseus), preocupados com rituais, mas cheios de comportamentos pecaminosos. Se queremos agradar a Deus, temos que viver uma vida santa Ler: Mateus 23:27-28.

Pergunta: Você tem praticado a justiça. (“se adequado aos padrões de Deus)?

“QUE AMES A BENEFICÊNCIA… ”

 

Isto nos fala de SERVIÇO: Beneficência ou benevolência tem o sentido de abençoar os outros de maneira prática.

Podemos fazer isso através da oração, do evangelismo, da consolidação, do discipulado e suprir as necessidades físicas, emocionais e espirituais de quem está à nossa volta. Não podemos dizer que amamos a Deus se não amamos as pessoas, e não dizer que amamos as pessoas se não estamos dispostos a investir nelas. – Ler – 1 João 4:20 e Gálatas 6:9,10.

Pergunta: Nós temos feito o nosso serviço para abençoar as outras pessoas?

“QUE ANDES HUMILDEMENTE DIANTE DO SENHOR TEU DEUS. ”

Isto nos fala de RELACIONAMENTO COM ELE: Andar diante de Deus é ter uma vida de intimidade com Ele. A condição para isso é que tenhamos um coração quebrantado e humilde, que aceite sua palavra.

Não conseguiremos agradá-lo sem investir em práticas como a oração, a meditação na palavra e a adoração genuína – ler João 15:13- 15, Isaías 55:6 e João 14:6.

Pergunta: Quantos querem aproximar-se de Deus e comprometerem-se numa vida de obediência, serviço e relacionamento com Deus através de Jesus?

CONCLUSÃO: Encerrar, orando com todos!

###########################################################

TEMA: JESUS EM NOSSA CASA, NOSSA MAIOR RIQUEZA

TEXTO: Lucas 19.1-10

INTRODUÇÃO:

A. Por que as pessoas correm atrás de qualquer solução quando estão com problemas?

B. Você alguma vez esteve em uma situação na qual se desesperou e não viu a solução de seu problema? Explique.

PROPÓSITO:

Reconhecer que Jesus tem poder para transformar nossas vidas. Zaqueu era chefe dos coletores de impostos, comandava a extorsão e a exploração popular. Era líder da corrupção. Era um homem rico, mas sabia que sua riqueza não vinha das mãos de Deus, era advinda do roubo e da opressão exercida sobre o povo. Um fato curioso é o significado do nome Zaqueu, que vem do hebraico Zacahe quer dizer “puro”, uma contradição em seu comportamento até então.

EXAMINANDO AS ESCRITURAS: Lucas 19.1-10

A. Quais os obstáculos que Zaqueu precisou vencer para ver Jesus?

B. Será que Jesus sabia onde Zaqueu estava?

C. Por que você acha que Jesus se ofereceu para ir à casa de Zaqueu (v.5)?

D. Se Zaqueu, só ficasse em cima da árvore VENDO JESUS PASSAR, o que, provavelmente, teria acontecido com ele?

E. Como você se sentiria se fosse Zaqueu quando Jesus falou que iria à sua casa?

F. Por que Zaqueu se propôs a fazer restituições àqueles a quem havia enganado (v.8)?

G. “Hoje houve salvação nesta casa! Porque esse homem é filho de Abraão”. (v.9) O que Jesus estava dizendo sobre Zaqueu?

APLICAÇÃO PARA A NOSSA VIDA:

A. Quando foi que você encontrou Jesus pela primeira vez? Onde você estava? Como foi o processo de decisão?

B. Quais são as principais “barreiras” que nos impedem de ver e seguir o Senhor hoje?

C. Será que você reconhece que precisa ter um encontro com Jesus? Que erros ou falta você precisa consertar?

CONCLUSÃO:

Quando Jesus entra no nosso coração e em nossa casa, Ele muda toda nossa vida e satisfaz plenamente a nossa alma, pois, assim como Ele conhecia a triste realidade de Zaqueu, também conhece a realidade de cada um de nós.

###########################################################

TEMA: VIVER EM PAZ, UMA QUESTÃO DE ESCOLHA

TEXTO: Mateus 11:28

INTRODUÇÃO: No texto lido, Jesus falava que há um grupo de pessoas que Ele chama de CANSADOS E SOBRECARREGADOS OU ESTRESSADOS e a cada dia temos visto as pessoas reclamarem que estão cansadas e sobrecarregadas, carregando fardos pesados.

Quebra Gelo: Esse convite feito por Jesus em Mateus 11:28 seria um convite oportuno e atual para nós e o mundo em geral?

03 CAUSAS QUE TRAZ O CANSAÇO E ESTRESSE:

1ª CAUSA – PREOCUPAÇÃO – Lucas 12-22:26

Jesus nos ensina que não devemos andar preocupados com as coisas dessa vida, principalmente com o dia de amanhã (basta o seu mal a cada dia), mas sim devemos confiar Nele e descansar, pois as preocupações nos deixam cansados e sobrecarregados por pelo menos 03 motivos:

 

  1. A PREOCUPAÇÃO É INÚTIL – não muda nada no problema
  2. A PREOCUPAÇÃO É IRRACIONAL – quanto mais me preocupo, mais o problema cresce.
  3. A PREOCUPAÇÃO É DOENTIA – quando nos preocupamos ficamos doente.

Pergunta: No Salmos 23:1, o Salmista diz que o Senhor é nosso Pastor e nada nos faltará, usando esse texto como base qual o motivo das pessoas viverem tão preocupadas?

2ª CAUSA – AGITAÇÃO E CORRERIA – Isaías 57:20.21

Nesse texto o profeta nos ensina que as pessoas que ainda estão longe de Deus, são como um mar agitado e não conseguem sossegar e vivem numa correria total e suas águas, ou seja, as suas vidas produzem lama e lodo e não conseguem ter paz e essa não é a vontade de Deus para nós. (SALMOS 23-2:3)

Pergunta: Para você é possível viver uma vida calma e tranquila nos dias de hoje?

3ª CAUSA – CONSUMISMO - Lucas 12:15; Mateus 6:19-21.

Hoje somos influenciados por todos os tipos de mídias e a todo tempo a comprar aquilo que nós não precisamos e gastar aquilo que não temos, apenas para mostrar para os outros! E muitos têm caído nessas armadilhas e sobrecarregando suas vidas para manter esse consumismo.

Pergunta: Em sua opinião como vencer o consumismo e ser felizes com o que temos?

CONCLUSÃO: Viver em Paz é uma questão de escolha, devemos fazer como rei Davi tirar toda honra, todo orgulho, toda autoridade e nos achegar diante do nosso Pastor Jesus como ovelhas e entregar toda a nossa vida a Ele e apenas confiar e descansar que Ele vai nos guiar, nos proteger e prover tudo o que realmente precisamos, pois ELE É O NOSSO PASTOR E NADA NOS FALTARÁ.

##########################################################

TEMA: DISCIPULADO COMO ESTILO DE VIDA

TEXTO: Atos 9:36

INTRODUÇÃO: No livro de Atos, encontramos diversos acontecimentos que marcaram os primeiros anos da igreja primitiva. A ordem de fazer discípulos (Mateus 28.19) dada por Jesus, antes de sua ascensão, era obedecida. O texto de Atos 9.36-43, relata sobre a morte e a ressurreição de Tabita (“Tabita” em hebraico e “Dorcas” em grego, cujo significado é “gazela”, “mulher ágil”, “aquela que é rápida”).

Dorcas era uma discípula. Todas as pessoas da Igreja de Jope também eram discípulos (v. 38).

Assim, aprendemos no livro de Atos que o discipulado era um estilo de vida.

Vejamos, de acordo com o texto, 3 características da vida de um discípulo de Jesus.

1º) O DISCIPULADO NOS LEVA A PRATICAR BOAS OBRAS, COMO JESUS (v.36).

Dorcas “se dedicava a praticar boas obras”. Isso significa que a vida daquela discípula de Jesus era pautada por práticas muito semelhantes às que o próprio Jesus ensinou e praticou. Ela não praticou algumas boas ações – as boas obras eram práticas constantes em sua vida.

Um discípulo de Jesus vive para servir. Ele é alguém sempre pronto a agir em prol do engrandecimento do nome de Jesus e, também, em benefício do seu próximo. Jesus declarou em João 14:12 “Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas, porque eu vou para meu Pai”. Ser discípulo significa reproduzir as obras de Jesus.

Dorcas com certeza foi uma pessoa atuante. O texto cita as suas boas obras, as esmolas, vestidos e outras roupas feitas por ela. As viúvas da Igreja tinham um carinho especial por ela… talvez seja porque Dorcas tivesse um cuidado especial pelas viúvas. De qualquer forma, o texto mostra que ela era o tipo de pessoa que faria muita falta à Igreja. Todos choraram e sentiram muito pela sua morte.

2º) O DISCIPULADO NOS LEVA A CRER EM MILAGRES (v.38).

O texto conta que os irmãos tomaram os cuidados devidos com o corpo de Dorcas, mas ao invés de sepultá-lo, sabendo que o apóstolo Pedro estava em Lida, cidade próxima, mandaram buscá-lo imediatamente. Somente os discípulos de Jesus seriam capazes de tamanha ousadia. Eles decidiram buscar em Deus o milagre da ressurreição daquela discípula.

Quando Pedro chegou, o v. 39 conta que várias outras discípulas rodearam Pedro e, chorando, mostraram a ele como aquela mulher que morrera era útil na Obra do Senhor. Os discípulos de Jope criam que o Todo Poderoso poderia ressuscitar os mortos.

Pedro estava em Lida quando foi chamado à Jope. Naquela cidade foi usado por Deus para curar um homem paralítico, Enéias, que estava acamado havia oito anos (Atos  9:33). Era por esse e tantos outros feitos, em nome de Jesus, que os discípulos criam em milagres.

3º) O DISCIPULADO NOS COLOCA COMO INSTRUMENTOS NAS MÃOS DE DEUS (v.40).

Discípulo é alguém que se consagra a Deus e permite que Ele o use para abençoar e salvar vidas. Antes do milagre, Pedro ajoelhou-se (em sinal de rendição total a Deus) e orou. Certamente o apóstolo estava consultando a Deus, buscando Sua vontade, e somente levantou quando teve a convicção de que Deus queria ressuscitar a discípula. Tanto no caso de Enéias como de Dorcas, o resultado foi que muitas outras pessoas se converteram a Jesus.

A oração é uma marca do discípulo. Para sermos usados por Deus precisamos estar rendidos a Ele e a oração é o mecanismo que nos leva a isto.

CONCLUSÃO: O discipulado deve ser um estilo de vida do cristão. Uma vida com propósitos de servir ao próximo e a Deus. O primeiro passo para tornar-se um discípulo é deixar Jesus ser verdadeiramente o seu Senhor e Salvador pessoal.

########################################################

Print Friendly
Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Busca na Bíblia
Patrocinadores

Voltar ao Topo